Alergia e imunologia

Adulto e Infantil
Testes de Alergia

(11) 3661 - 4992


O que é alergia?

Alergia é uma resposta imunológica exagerada, que se desenvolve após a exposição a um determinado alérgeno (substância estranha ao nosso organismo) e que ocorre em indivíduos susceptíveis (geneticamente) e previamente sensibilizados..

Daí dizer que filhos de pais alérgicos têm maior probabilidade de serem alérgicos do que filhos de pais não-alérgicos. Do ponto de vista estatístico, sabe-se que 50% dos filhos poderão herdar a alergia, quando ambos pais são alérgicos, Se um dos pais é alérgico a probabilidade cai para cerca de 30%. Se nenhum dos pais é alérgico, ainda há a chance de 10 a 20% de seus filhos tornarem-se alérgicos. Já a forma como cada indivíduo desenvolve sua alergi é particular, variando desde formas leves até quadros graves, disseminados.

Principais Manifestações da Alergia:

Manifestações Respiratórias:

  • Asma
  • Rinite
  • Sinusite
  • Otite
  • Amigdalites
  • Faringites
  • Laringites
  • Traqueítes
  • Tosses Alérgicas
  • Alergias oculares

Manifestações cutâneas:

  • Urticária
  • Angioedema
  • Dermatite de Contato
  • Atopia
  • Estrófulo

Outras:

  • alergia ao látex
  • medicamentos
  • contrastes
  • anestésicos
  • alimentos
  • alergia a himenóptero
  • choque anafilático
  • etc.

Caso tenha identificado alguma dessas manifestações, procure um médico alergologista para uma avaliação.

Anafilaxia

Anafilaxia é uma reação alérgica grave,que acomete todo o organismo; leva a dificuldade de respiração, perda de consciência e por vezes a morte, quando não tratada imediatamente.

Alergia ao látex

A alergia ao látex natural (Hevea brasiliensis) é incomum, entretanto quando o indivíduo é acometido, torna-se um grade transtorno, umavez que o látex é encontrado nos mais diversos artigos de uso diário. O vinil pode ser um substituto, porém seu custo impossibilita que se use em larga escala.Um aspecto interessante da alergia ao látex é a presença de reações cruzadas com alimentos, principalmente frutas. Cerca de 50% dos pacientes alérgicos ao produto, o são também a pelo menos uma fruta, geralmente banana, kiwi, abacate, maracujá, manga, abacaxi ou mamão.Isso ocorre porque sendo o látex um produto vegetal, apresenta proteínas semelhantes às das frutas. É a síndrome látex-fruta.

Não há idade para a ocorrência deste tipo de alergia. Crianças com doenças ao nascimento e que passam por diversas intervenções cirúrgicas, já no início da vida, são muito propensas à alergia ao látex.

Existe apenas o tratamento, mas não há a cura da doença. O paciente deverá reduzir a exposição ao látex, em alguns casos, nos casos de contato profissional com o produto, pode ser necessário o afastamento do trabalho, como de enfermeiras e médicos. Também, hoje já existe o tratamento com imunoterapia (vacina de alérgenos) específica para o látex, que, segundo poucos estudos no momento, poderia dessensibilizar o paciente, com grande benefício no controle do problema.